Bombas da Sabesp enviadas para escoar água começam a operar neste sábado em Canoas

  • 18/05/2024
(Foto: Reprodução)
Município teve 70 mil imóveis alagados, de acordo com prefeito. Das 154 mortes registradas no estado, 21 ocorreram em Canoas. Bombas para escoar água em Canoas As primeiras bombas de água enviadas pela Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp) chegaram ao Rio Grande do Sul nesta sexta-feira (17). Os equipamentos, utilizados para acelerar o escoamento de água, começam a operar em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, neste sábado (18). 📲 Acesse o canal do g1 RS no WhatsApp Cerca de 70 mil casas estão submersas na cidade. O município soma 21 mortes, entre as 154 vítimas dos temporais e cheias no estado. O secretário de Obras de Canoas, Guido Bamberg, explica que as bombas da Sabesp serão instaladas com intuito de aumentar a vazão e puxar a água que alagou a cidade de volta para o rio. "Estamos iniciando no bairro Rio Branco a instalação das duas primeiras motobombas que vão fazer a drenagem da água concentrada nos bairros Rio Branco e Fátima. Nós temos nesses dois bairros 30 milhões de litros de água. Ela está saindo por gravidade pela ruptura do dique, mas ela precisa ser bombeada para que efetivamente escoe a água", explicou o secretário. Cada bomba tem capacidade de retirar mil litros d'água por segundo de um lugar para outro. No total, o município receberá oito motobombas para utilizar nos locais mais afetados pela inundação. A estimativa que é, com isso, dentro de 10 a 15 dias os moradores desabrigados possam retornar para as suas casas. Prefeito de Canoas (RS) fala sobre perdas da cidade e reconstrução Na região do bairro Rio Branco, a correnteza rompeu 40 metros do dique que deveria conter a passagem d'água. O que sobrou da estrutura está represando a inundação. A força do rios Jacuí e Gravataí também afetou diretamente o funcionamento das casas de bombas. A empresa paulista conta com mais de 50 funcionários atuando em solo gaúcho. No total, serão 18 motobombas emprestadas ao RS – 14 serão trazidas de caminhões partindo neste sábado de Barueri, na grande São Paulo. Em São Leopoldo, também na Região Metropolitana de Porto Alegre, a prefeitura alugou seis motobombas para retirar a água de áreas inundadas pelo rompimento do Arroio João Correa. O serviço começou nesta sexta (17). LEIA TAMBÉM VÍDEO: porca é salva com o focinho fora d'água VÍDEO: menino improvisa madeira para carregar bicicleta 'Aquece o coração': voluntárias montam lavanderia solidária Bombas da Sabesp utilizadas em Canoas Sabesp/Divulgação Guaíba baixa, e prefeitura derruba comporta Com a marca de 4,62 metros, o Guaíba marcou seu menor nível desde a madrugada de segunda (13) em Porto Alegre. O índice ainda está distante da cota de inundação (3 metros), mas permite a adoção de algumas medidas para "desalagar" o Centro Histórico. Com a baixa, o lago está em um nível menor do que a água acumulada nas ruas do Centro Histórico. Por isso, a prefeitura derrubou uma comporta do Muro da Mauá, em frente à Rua Padre Tomé, nas proximidades da Basílica das Dores. Com a operação, será possível acessar duas casas de bomba, que ajudam a drenar a água acumulada nas ruas para fora da área urbana. Bombas e comportas em Porto Alegre: saiba para que servem As comportas são grandes portões de ferro que impedem que a água do lago invada a cidade. Já as bombas são equipamentos elétricos que bombeiam para fora da cidade a água que toma as redes de esgotos. Com as cheias, houve problemas nesse sistema, o que permitiu a inundação de parte da área urbana da capital. Com o recuo do Guaíba, a população começou a retornar às suas casas e apartamentos para descobrir quais pertences foram perdidos e o que ainda pode ser salvo. A reportagem da RBS TV encontrou entulho reunido em frente às residências. Eram móveis, colchões e eletrodomésticos – material que havia sido retirado de dentro dos imóveis, muitos deles estragados por conta dos dias debaixo d’água. Como funcionam as comportas do Guaíba, em Porto Alegre VÍDEOS: Tudo sobre o RS

FONTE: https://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2024/05/18/bombas-da-sabesp-enviadas-para-escoar-agua-comecam-a-operar-neste-sabado-em-canoas.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Top 5

top1
1. DIFERENTES E IGUAIS

Rainha Musical

top2
2. PILHA FRACA

Brilha Som

top3
3. DONO DO BAR

Toque de Magica

top4
4. FAXINA

Banda 10

top5
5. NANA NINA NUNCA

Banda Expresso

Anunciantes